Follow by Email

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Odeio Rodeio

Repassamos apelo da protetora Beth, que tem nosso integral apoio


SE VOCÊ GOSTA DE RODEIOS, VEJA ISTO, QUEM SABE TE AJUDE A REVER TEUS CONCEITOS SOBRE DIVERSÃO. 

Crime Ambiental no Rodeio de Barretos: bezerro torturado e assassinado!!!!!! 

Mais um CRIME AMBIENTAL foi cometido no Rodeio de Barretos: um novilho (bezerrinho) foi assassinado logo após ser torturado numa prova das mais cruéis (importada da cultura norte-americana) cujo nome é bulldog quando o INDEFESO animal tem o pescoço torcido. 

Muitos não aguentam o sofrimento e acabam morrendo. Foi o que aconteceu nesta segunda-feira quando o novilho teve uma lesão cervical. Se isto acontece durante o rodeio, imaginem durante os treinamentos quando a imprensa e o público não estão presentes, como isto deve ocorrer com mais frequência ainda. 

VOCÊ É CÚMPLICE DESSA MONSTRUOSIDADE???







Barretos atrai R$ 6 milhões em patrocínios 
Amigos, vamos conscientizar os PATROCINADORES :


Honda -  ouvidoria : Tel. : 0800 771 5707 ou deixe um comentário: 
http://www.mundodastribos.com/motos-honda-2012-lancamentos-precos.html/comment-page-1#comment-227032

Sugerimos que a Honda não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando com ações sócioambientais em campanhas voltadas para a Educação e Cultura. Se preocupa também em criar soluções tecnológicas que causem menor impacto ao Meio Ambiente. Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas. 

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que pratiquem crueldades com animais.Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada! 

A HONDA COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 


Sugerimos que a Brahma não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando com ações sócioambientais com campanhas de consumo responsável e reciclagem.

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que praticam crueldades com animais.

A BRAHMA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA!


Sugerimos que o GUARANÁ ANTÁRTICA não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando com ações sócio-ambientais com campanhas de consumo responsável e reciclagem.

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que praticam crueldades com animais. 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada! 

O GUARANÁ ANTÁRTICA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA!

Sugerimos que a REDECARD não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em patrocinar Projetos Sócio Ambientais em campanhas voltadas para a inclusão social a educação e a cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas. 

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que pratiquem crueldades com animais. 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada! 

A REDECARD COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 


Solicitamos que o Sesi não patrocine mais Rodeios. 

É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em patrocinar Projetos Sócio Ambientais em campanhas voltadas para a Inclusão Social, a Educação e a Cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas de responsabilidade Social. Precisamos dar bons exemplos à Sociedade e principalmente às crianças!

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que pratiquem crueldades com animais.

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada! 

O SESI COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 


Sugerimos que a Editora Três não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em apoiar projetos de responsabilidade sócio-ambiental, com o objetivo de implementar a consciência para um mundo melhor e sustentável São campanhas voltadas para a inclusão social a Educação e a Cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas de um "Planeta Sustentável". 

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que praticam crueldades com animais. 

ESTÁ NA HORA DE INOVAR E SE ADAPTAR AOS NOVOS TEMPOS, CRIANDO UM RODEIO QUE NÃO UTILIZE ANIMAIS! 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada ! 

A EDITORA TRÊS COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 


Quando preencher o formulário, eles vão perguntar qual o número do seu IP, ou seja é uma identificação única para cada computador conectado na internet.
Ao acessar o site http://www.whatismyip.com/ será mostrado o seu número de IP. 

Sugerimos que a UOL não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em apoiar projetos de responsabilidade sócio-ambiental, com o objetivo de implementar a consciência para um mundo melhor e sustentável São campanhas voltadas para a inclusão social a Educação e a Cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas sustentáveis! 

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que praticam crueldades com animais. 

ESTÁ NA HORA DE INOVAR E SE ADAPTAR AOS NOVOS TEMPOS, CRIANDO UM RODEIO QUE NÃO UTILIZE ANIMAIS! 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada!

A UOL COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 


Sugerimos que a Revista ISTO É, como tem um nome a zelar, não patrocine mais Rodeios é uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em apoiar projetos de responsabilidade sócio-ambiental, com o objetivo de implementar a consciência para um mundo melhor e sustentável São campanhas voltadas para a inclusão social a Educação e a Cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas.

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que pratiquem crueldades com animais. 

ESTÁ NA HORA DE INOVAR E SE ADAPTAR AOS NOVOS TEMPOS, CRIANDO UM RODEIO QUE NÃO UTILIZE ANIMAIS! 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada!

A "ISTO É " COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA .

SUPERMERCADOS SAVEGNAGO- http://www.savegnago.com.br/sac.htm

Sugerimos que O SUPERMERCADOS SAVEGNAGO, como tem um nome a zelar, não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em apoiar projetos de responsabilidade sócio-ambiental, com o objetivo de implementar a consciência para um mundo melhor e sustentável São campanhas voltadas para a inclusão social a Educação e a Cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas. 

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que praticam crueldades com animais. 

ESTÁ NA HORA DE INOVAR E SE ADAPTAR AOS NOVOS TEMPOS, CRIANDO UM RODEIO QUE NÃO UTILIZE ANIMAIS! 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada! 

O SUPERMERCADO SAVEGNAGO COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 

ESCOLA DE SAMBA UNIDOS DA TIJUCA : http://unidosdatijuca.com.br/contato/

Sugerimos que A Escola de Samba Unidos da Tijuca, como tem um nome a zelar, não patrocine mais Rodeios. É uma desmoralização para sua imagem, que está evoluindo e se preocupando em captar patrocínio para apoiar projetos de responsabilidade sócio-ambiental, com o objetivo de implementar a consciência para um mundo melhor e sustentável. São campanhas voltadas para a inclusão social a Educação e a Cultura.

Este patrocínio está totalmente em desacordo com suas propostas. 

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento,porém não concordamos com eventos que praticam crueldades com animais. 

ESTÁ NA HORA DE INOVAR E SE ADAPTAR AOS NOVOS TEMPOS, CRIANDO UM RODEIO QUE NÃO UTILIZE ANIMAIS! 

Queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada! 

A ESCOLA DE SAMBA UNIDOS DA TIJUCA COM CERTEZA NÃO PRECISA DESSE TIPO DE PROPAGANDA NEGATIVA 


Cantora Paula fernandes: escrevam para: Assessoria de Imprensa:amandaferro@talisma.art.br
Maestro João Carlos Martins: fundacaobachiana@terra.com.br

Sugerimos que a Cantora Paula Fernandes e ao Maestro João Carlos Martins, que têm um nome a zelar, que, por favor, não patrocinem mais Rodeios. 


É uma desmoralização para a imagem de vocês, pois são artistas e devem ser com certeza, pessoas sensíveis. Crueldade só incentiva à violência e queremos uma sociedade mais ética e responsável que respeite o Meio Ambiente, onde a vida dos animais seja valorizada!

Queremos deixar claro que somos a favor das festas populares e folclóricas, com danças e músicas sertanejas, feiras de exposição, praças de alimentação, enfim diversas modalidades de eventos sociais, esportivos e de entretenimento, porém não concordamos com eventos que pratiquem crueldades com animais. 


ESTÁ NA HORA DE INOVAR E SE ADAPTAR AOS NOVOS TEMPOS, CRIANDO UM RODEIO QUE NÃO UTILIZE ANIMAIS! O CIRCO SE RECICLOU, JÁ SE RECONHECE QUE É CRUEL O USO DE ANIMAIS!

Precisamos dar bons exemplos às nossas crianças e como elas aprendem o que vivenciam, imitando o que veem e repetindo o que ouvem, certamente os rodeios irão contribuir para uma péssima formação, onde a tortura aos animais é banalizada e mostrada como entretenimento.


Os rodeios não são inofensivos como parecem!


Para o animal pular e saltar, o peão faz uso de equipamentos, como o sedém, esporas, peiteiras e, não raras vezes, chega-se ao absurdo de utilizar-se choque elétrico, maltratando os animais ainda que por alguns segundos. 


O SEDÉM consiste em uma tira feita de crina animal, fortemente amarrada no flanco inguinal (virilha) do animal, que comprime os ureteres (canais que ligam os rins à bexiga) e aperta o prepúcio e o pênis ao escroto, tornando, com isso, o animal bravio e desesperado, pois obriga-o a desvencilhar-se de tal ato, agressivo e doloroso. Quando os animais amarrados por esta tira são soltos na arena e recebem um forte puxão, recebem uma forte compressão na região dos vazios do animal, fazendo com que ele reaja com coices, enquanto estiver correndo; 


As ESPORAS, às vezes pontiagudas, consistem em metais que são usados pelos peões durante o rodeio, fincados no baixo ventre, peito, pescoço e cabeça do animal. Tal fato é tão grave que há casos registrados em relação a alguns animais que foram cegados ao serem atingidos pela espora. 


As PEITEIRAS consistem em uma corda de couro amarrada fortemente em volta do peito do animal, causando-lhe desconforto, dor e lesões no tecido. Algumas peiteiras são dotadas de sinos e colocados, geralmente, nos bois, provocando um ruído característico, alterando o estado do animal diante da elevação drástica da adrenalina. Este incômodo ocasiona uma reação imediata do animal que procura se desvencilhar do seu instrumento de tortura. 


Os peões, de outra parte, costumam utilizar laços para outras modalidades, dentre elas o "pega garrote", o "laço de oito braças", que provocam constantes quedas do animal-vítima ao solo, violentamente. 


Prática comum também é a "mesa da amargura", onde grupos de pessoas ficam sentados em mesas na arena aguardando a ação do animal que se lança em direção às mesas e acabam por se ferir. Frise-se que o animal, de regra, é estimulado com choques e estocadas produzidas por instrumentos contundentes, a fim de que se torne bravio antes de ingressar na arena, o mesmo ocorrendo com o "fut-boi". Registram-se casos de fraturas nos animais, especialmente nos pescoços e nas pernas. 

Por estas razões é que diversas entidades de defesa do meio ambiente, especialmente as organizações de proteção aos animais, condenam esse tipo de "festa", a qual também é vedada na Inglaterra, país conhecido como exemplo de respeito ao meio ambiente. E também não é por acaso que a malfadada festa de rodeio está proibida em diversas cidades do Estado de São Paulo. 

Por favor, repensem...
Nome/ Estado