Follow by Email

segunda-feira, 7 de março de 2011

Desistir ou persistir?


Desistir ou persistir?

Já se deparou com essa situação? Talvez ela tenha ocorrido muito recentemente.
Na verdade, estamos constantemente envolvidos com decisões que esbarram nessa questão: desistir ou persistir?
É também verdade, que somos costumeiramente exortados a perseverar, buscar, avançar. Todavia, precisamos agir em sabedoria, para que ela nos conduza ao entendimento correto e ao perfeito equilíbrio.
Afinal, não podemos desperdiçar nosso tempo, energia e, muitas vezes, sentimentos, em algo que está fadado à não conclusão, à frustração ou ao insucesso.
Precisamos, portanto, saber decifrar os sinais à nossa volta que nos ajudarão a identificar se devemos parar ou prosseguir. Empreender esforços, ou “tirar o time de campo”.
Embora as situações com que nos deparamos com esse dilema (desistir ou parar) são muitas e diversas, algumas perguntas são essenciais para a obtenção de uma resposta mais assertiva pautada em sabedoria. Entre estas estão:
- Por quanto tempo estou envolvido com isso?
- Já deixei de lado coisas que me são importantes em função disso?
- Tentei, de diferentes formas, conseguir isso?
- O que pessoas que me são próximas e em quem confio me dizem a respeito?
- Quais foram os resultados de minhas últimas tentativas?
- Na intenção de conquistar isso, fui flexível, humilde, coerente e usei de ousadia?
- Até que ponto isso me é indispensável?
Obviamente, tudo isso não repercutirá resultado algum, se as respostas não forem dadas com sinceridade e desejo em verdadeiramente entender a situação em que se encontra.
Assim, faça essa análise e veja se, diante do quadro que lhe vem à mente, é hora de desistir ou de persistir.

Que o ETERNO seja contigo e em ti, hoje e em todos os teus dias!
F.I.M. – Fraternidade de Iluminadores do Mundo
http://blog.i.uol.com.br/mdl/mac/4pontos.gifEscrito por Isaac Yedidyah


Que o ALTÍSSIMO seja contigo e em ti, hoje e em todos os teus dias!

F.I.M. - Fraternidade de Iluminadores do Mundo